FernandoSantana

FERNANDOSANTANA paixão pelo futebol

Da queda a DOR

A dor da perda de quem tem paixão pelo manto sagrado das cores vermelho, branco e preto. Respeitar as conquistas. Idolatrar àqueles que ocuparam e souberam HONRAR por terem passado com glórias no Clube das Multidões. Das pessoas humildes que até deixam de comer para louvar as vitórias e terem uma semana de labuta menos dolorida. A gozação dos outros não nos incomoda. Pois sabemos nossa GRANDEZA. E a certeza que somos e seremos sempre um TIME de PRIMEIRA. Sinto um incômodo indescritível porque os homens que dirigiram o Santa Cruz não sabiam que estavam lidando com a República Independente do Arruda. As vezes assusta. Inconcebível foi um senhor Capitão abandonar seus marujos e deixar a NAU a deriva. O QUE FAZER? Só os homens de bem e honrados estarão prontos e determinados para reverter este episódio. RENASCER DAS CINZAS. Sem saudosismo. Por que não recomeçar com os juniores como fez Lourinaldo Rodrigues no ano de 1969, com Fernando Santana, Luciano, Ramon e Givanildo. Que os bons VENTOS soprem de primeira para sairmos deste dilúvio de terceira. Choro esta queda, mas a nossa DOR, nos vangloriará de feitos grandiosos. Hoje choro com vocês santacruzenses, porém acreditem dias melhores virão. FERNANDOSANTANA

Categoria: Artigos

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.