FernandoSantana

FERNANDOSANTANA paixão pelo futebol

Jogão

Sem dúvida para lembrarmos os grandes clássicos.

Roberto Fernandes, mexeu bem. Não só na estrutura. Afastou quem achou necessário. Montou uma equipe com enorme poder de marcação. Prendeu os laterais do Sport. Com isso, seu time pode exercer contra-ataques fulminantes. Fez o gol num impedimento que seu ‘Bandeira’ não viu, nem o árbitro. Teve oportunidade de matar o jogo em vários momentos do segundo tempo. Não o fez. Veio o castigo do empate. Para o Sport; favoritíssimo, pode botar as mãos pro céu. Porque pelo volume do jogo o Náutico merecia ganhar. No entanto futebol é bom por isso. Mais ainda; o leão da Ilha, embora tendo o maior tempo com a bola, não conseguiu usufruir dessa posse. Faltava a pelotita chegar aos atacantes. Que esperavam serem municiados pelo pessoal do meio campo. Cuja dificuldade era a marcação dos alvirrubros.

Um bom clássico, grande espetáculo…um jogão de bola realmente.

Fernando Santana

Categoria: Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.