FernandoSantana

FERNANDOSANTANA paixão pelo futebol

História do Futebol em PERNAMBUCO – 1951/1990

*** Extraído do Cap.31- de Givanildo Alves***

Nos meus alfarrábio, vejam o que encontrei:

Náutico “abre” para Santa tirando o Sport do páreo.
Quando o treinador Gentil Cardoso, o estratégico ‘moço preto’, chegou ao Náutico vislumbrou que para ser campeão precisava de toda sua malícia.
Que fez, como o Náutico havia conquistado o primeiro turno, vendo o Sport mais forte que o Santa Cruz…pensou.
Caso no segundo turno ganhasse ou empatasse com o tricolor, faria uma melhor de três com o Sport. A estratégia vazou e a partir daí toda Imprensa começou especular que o Náutico abriria o jogo.
Criticado, Gentil se defendia: “Ora, eu tenho direito de escolher meu adversário”.
Vem o jogo nos Aflitos em 04.12.1960.
Os alvirrubros entram com time reserva, fazem dois gols contra e o Santa Cruz vence por 3 a 1. Estava o Sport alijado do campeonato como queria o Gentil.
Acossado o Treinador do Náutico defendia-se: “Vim para ser campeão pelo Náutico e não para agradar a Imprensa. O título está diante dos meus olhos.

*** História do Futebol em Pernambuco ***
De: GIVANILDO ALVES

Categoria: Artigos

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.