FernandoSantana

FERNANDOSANTANA paixão pelo futebol

QUEM É BOLEIRO

Aquele que jogou, o que deixou a pouco  tempo, o que não foi profissional, mas ninguém deixa de ser  boleiro.

O encontro é altamente salutar, é o dia de “GRAÇA”, rever todos àqueles que de uma forma ou outra passou em nossa vida. Quer como adversário ou não. Como nunca fomos organizados a coisa fica meio bagunçada. Senão vejamos: por que  logo cedo fazer encontro de brotos? Ops, digo dos sessentões. Bicho há uma cobrança enorme dos torcedores  em ver em campo essa moçada. Mesmo que sejam por dez minutinhos…Custa nada pensar em quem também tem saudades por ter estado lá dentro, e gostaria de participar ativamente…

Foi bom ver: Nagel, Gilson e seu irmão Betinho, Facó, Pedro Cruz, Joel, Dodó, Valdeci, Luciano, Ramon, Dica, SEUL, Salin, Pedrinho, Cabral…(velha guarda)…

Mais os novinhos: Marlom, Jarbas, Zé do Carmo, Henágio, Ataíde, Niva, Cláudio, Gaucho, Leonardo, Nildo, Flávio(salão)…

Meus amigos: João Caixero, Silvio Ferreira, Rodolfo Aguiar…

Que bom essa rapaziada dar sequência nesse congraçamento da BOLEIRADA.

Fernando Santana

Categoria: Artigos

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.